Estoque

5 erros para evitar ao realizar uma gestão de estoque

agosto 2, 2018
Tempo de leitura 3 min

A gestão de estoque é uma prática importante para que o empreendedor tenha controle sobre as suas vendas e o seu fluxo de caixa. Além disso, gerir o estoque de maneira eficiente permite que o empresário saiba quais são as preferências dos seus clientes. Essa informação é extremamente relevante para controlar, de forma efetiva, a quantidade e o tipo de mercadoria a ser comprada e armazenada.

Ao cometer erros na gestão do estoque de um negócio de varejo, o empresário sofre graves consequências, como a perda de produtos, de clientes e de dinheiro. Já a organização eficiente do estoque é uma maneira de fidelizar seus consumidores. Afinal, ter em estoque o produto que seu cliente quer reflete credibilidade, mantendo a receita e o faturamento.

Portanto, se você é um empreendedor varejista e quer evitar erros ao realizar a gestão de estoque da sua loja, leia este post até o final e descubra o que você precisa impedir que aconteça!

1. Comprar mais ou menos do que precisa

Negligenciar a demanda é um erro grave para quem busca fazer uma gestão eficiente de estoque. Antes de comprar qualquer produto, você precisa analisar a quantidade dessa mercadoria que está armazenada, avaliar o giro que ele tem na loja e, então, decidir se realmente há necessidade de obter mais unidades dele ou não.

2. Não realizar inventário de estoque

Caso você não faça um controle periódico do que entra e do que sai do seu estoque, bem como a contagem desses produtos regularmente, está na hora de começar agora mesmo. Afinal, não há como saber o giro dos seus produtos em loja sem realizar um inventário.

As principais consequências são comprar quantidades erradas e ter atrasos na entrega, pois você só perceberá a falta de uma mercadoria quando for tarde demais.

3. Não fazer promoções e liquidações

Toda loja tem produtos que não tem giro e acabam ficando parados no estoque. Mas isso, de forma alguma, significa que eles devem ser deixados de lado. Afinal de contas, você pagou um bom dinheiro por eles, lembra? E estoque parado representa dinheiro parado.

Portanto, antes que essa mercadoria fique ultrapassada no mercado, procure minimizar o seu prejuízo e realizar ações promocionais que estimulem o seu giro. Dessa forma, o valor que você investiu nesses produtos voltará para o seu caixa.

4. Não automatizar o processo

Muitos empreendedores do ramo varejista não têm, nem mesmo, um sistema em sua loja. Ou então, eles acabam por ter apenas um sistema genérico, que não fornece informações, servindo apenas para emissão de cupom fiscal e entrada de notas fiscais.

Para realizar uma gestão eficiente do seu estoque, procure um software que apresente para você informações, a fim de auxiliar as suas tomadas de decisões. Os processos manuais tradicionais de controle não ajudam a ter uma gestão de estoque eficiente. Por isso, a importância de definir estratégias e segui-las com uma ferramenta de automação.

5. Não organizar o estoque

Procure manter o seu estoque sempre organizado, separando as mercadorias por categorias e características similares. Isso evita perdas e danos aos seus produtos. Como já dissemos, o seu estoque é o dinheiro que saiu do seu caixa e foi investido em determinados itens. Por isso, cuidar de tudo é fundamental para evitar prejuízo.

Se você quiser mais dicas sobre gestão de estoque baixe agora nosso e-book completo e não perca mais tempo!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up